Como é que a natação pode melhorar o nosso equilíbrio?

A natação e a hidroginástica são as melhores aliadas quando se trata de aperfeiçoar o nosso equilíbrio. Ajudam a fortalecer os nossos músculos e a melhorar a densidade óssea

natacao melhora equilibrio

Todos nós já ouvimos falar que um estilo de vida sedentário aumenta o risco de desenvolver problemas de saúde, como doenças cardíacas, diabetes e cancro. No entanto, pouco se fala do quão é importante melhorar o nosso sentido de equilíbrio e, como isso, pode ajudar muito na prevenção de quedas, especialmente à medida que envelhecemos.

Um estudo recente conclui que a natação e a hidroginástica são as melhores formas de exercício para melhorar o equilíbrio. Isto pode não ser uma surpresa, já que todos sabemos que nadar tem benefícios mentais e físicos, mas de acordo com este estudo, a natação é a melhor forma de exercício para um idoso melhorar facilmente a sua condição física. A natação também pode ajudar a reduzir o desconforto de uma queda anterior, mas, mais importante, pode reduzir o risco de quedas. Leia mais para descobrir como!

Menu

 

Natação e hidroginástica: porque é o melhor exercício para idosos?

Para começar, vamos considerar a segurança dentro de água. Se não é um ótimo nadador, aconselhamos que se inicie neste desporto com ajuda de um professor ou de uma pessoa amiga que poderá auxiliá-lo a entrar e sair da piscina e/ou a caminhar em superfícies húmidas ou escorregadias. Ter a companhia de alguém ajudá-lo-á a aproveitar os benefícios da natação sem se preocupar com quaisquer perigos. Desde que a segurança seja uma prioridade, praticar este desporto, é sem dúvida, uma excelente opção.

Durante muitos anos, o senso comum mostrou-nos que a natação é um exercício benéfico, mas, finalmente, vários estudos provam isto. Por exemplo, um estudo publicado no American Journal of Epidemiology afirma que os exercícios de natação e hidroginástica podem ser a melhor forma de exercício para ajudar os idosos a reduzir o risco de queda, pois, ajudam a melhorar o equilíbrio e a fortalecer os nossos ossos. Este estudo é o primeiro a comparar vários tipos de atividade física para descobrir qual é o mais benéfico na prevenção de quedas.

Como a natação pode melhorar o equilíbrio e reduzir o risco de queda?

Natação e hidroginástica: um ótimo exercício para todas as idades

A preocupação com a melhoria do equilíbrio tem vindo a ganhar destaque à medida que as quedas e as lesões nos idosos estão a tornarem-se cada vez mais num  importante problema na saúde pública. As quedas acontecem com maior frequência do que podemos imaginar e em situações que não podemos esperar como, por exemplo, no conforto do nosso lar. Aumentar a consciencialização sobre esta questão nunca será demais para contribuir para que todos, especialmente os idosos, estejam a envelhecer ativamente.

Como tal, a natação é a forma perfeita de exercício porque não sobrecarrega os músculos e articulações da mesma forma que um treino de força o faria.

voltar ao menu

Por que é que as caminhadas não são suficientes?

Para os idosos que foram incentivados pelos seus médicos a praticar exercício de intensidade moderada, a natação é, sem dúvida, a forma perfeita de melhorar a força e o sentido de equilíbrio.

Na maior parte das vezes, as caminhadas são a primeira escolha quando se trata de fazer exercício na terceira idade. Efetivamente, esta ativade pode ser uma grande ajuda, mas não é suficiente para fortalecer os músculos centrais e melhorar o equilíbrio. A natação fortalece os músculos centrais e que são necessários para um bom equilíbrio – um fator importante na prevenção de quedas.

Ao contrário das caminhadas, a natação é considerada uma atividade motora mais complexa. A água é aproximadamente doze vezes mais densa que o ar. Então, mesmo que não consiga nadar, praticar jogging aquático ou fazer uma caminhada aquática dar-lhe-á mais resistência, já que o corpo carrega apenas 50% de seu peso. E se estiver imerso na água até ao pescoço, só terá que suportar 10% do seu próprio peso. Quanto mais rápido conseguir caminhar ou exercitar-se, mais a água resiste e aumenta a força muscular. A natação e hidroginástica também são a maneira mais rápida de melhorar a resposta neuromuscular após uma lesão, por exemplo.

Como é que a natação pode melhorar o nosso equilíbrio?

Natação: um exercício que apresenta risco mínimo de lesão

Ao contrário de muitas outras formas de exercício, a natureza de baixo impacto da natação apresenta risco mínimo de lesão, tornando-a uma escolha ideal para idosos que desejam melhorar a sua qualidade vida, apostando na melhoria da sua saúde física e psicológica.

voltar ao menu

Como pode a natação melhorar o nosso equilíbrio?

O nosso sentido de equilíbrio é algo que muitas vezes passa despercebido e, às vezes, não percebemos que o estamos a perder até começarmos a ser um pouco “desajeitados”. Para os idosos, o risco de queda deve ser motivo de preocupação. Uma fratura, trauma na cabeça ou outras lesões podem afetar sua mobilidade e qualidade de vida. Portanto, vale a pena investir em melhorar seu sentido de equilíbrio e condição física, antes que se torne um verdadeiro problema. Está cientificamente provado – no estudo mencionado antes – que os idosos que praticam natação/hidroginástica têm 33% menos probabilidade de sofrer uma queda em comparação com aqueles que não praticam nenhum exercício na água. Concluiu-se ainda que as pessoas que nadam revelam mais equilíbrio na sua postura.

 

hidroginástica benefícios

Hidroginástica: andar e dançar na água

voltar ao menu

Benefícios da natação para melhorar a nossa flexibilidade

Praticar natação envolve “trabalhar” múltiplos músculos em simultâneo, pois estamos constantemente em movimento.Tal irá ajudar a aumentar a flexibilidade das nossas articulações, o que é vital para o nosso equilíbrio. Pode ainda ajudar a reduzir a dor nas costas, melhorar a coordenação muscular e a postura. Nadar numa piscina mais quente também relaxará naturalmente os músculos e estimulará a circulação sanguínea, reduzindo o stresse no corpo ao mesmo tempo que permite que as suas articulações se movam com facilidade. O apoio da água deve ajudá-lo a manter posições que envolvam um equilíbrio complicado – como um alongamento quádruplo – por períodos de tempo mais longos.

Se está à procura de um exercício para aliviar dores musculares ou articulares e quiser evitar a dor e a tensão que sente quando caminha ou treina no ginásio, a natação é, sem dúvida, uma excelente alternativa. Além de estar a “ganhar anos de vida”, está a preparar-se para desfrutar de um envelhecimento com saúde e qualidade de vida. Uma simples sessão de 20 minutos, pelo menos 3 vezes por semana, pode oferecer muitos benefícios, semelhantes a outras atividades como o Yoga ou Thai Chi. No fim do dia, irá sentir-se mais forte, mais equilibrado e mais confiante para enfrentar os obstáculos físicos e psicológicos do dia-a-dia. E se acha que já passou muitos anos desde a última vez que nadou, saiba que nunca é tarde demais para começar a aproveitar os benefícios da água!

 

Escrito por: Stannah a 06-06-2018